O que devo saber sobre salas de bate-papo?

 

antes de lermos sobre este assunto veja comentarios de alguns jovens sobre isso.

“Numa sala de bate-papo, você se sente livre para dizer qualquer coisa.” — Abigail.
“Embora eu seja tímido, quando estou ‘on-line’ numa sala de bate-papo, consigo falar com pessoas com quem normalmente eu não conversaria. Elas não sabem quem eu sou.” — Peter.

 

SALAS DE BATE-PAPO são “espaços” na internet onde os usuários podem conversar ao vivo por meio de mensagens escritas. Muitas pessoas podem participar lendo e respondendo as mensagens uns dos outros.

Algumas salas de bate-papo atraem especialmente os jovens. Milhões deles de várias culturas trocam opiniões todo dia sobre praticamente qualquer assunto. Algumas escolas usam esse recurso. Por exemplo, com a supervisão do professor, estudantes americanos podem debater temas sociais com estudantes da Espanha, Inglaterra ou de outro lugar; podem até conversar sobre um trabalho escolar com um engenheiro, um químico ou um outro especialista.

No entanto, muitos que usam as salas de bate-papo não estão lá para conversar sobre assuntos escolares. Se você usa a internet, a que perigos deve estar atento?

Área de caça para predadores sexuais

“Eu estava numa sala de bate-papo”, diz Abigail, “quando um homem me perguntou se eu conhecia jovens de 14 anos. Ele queria ter relações sexuais e disse que estava disposto a pagar por isso”.

O que aconteceu com Abigail não é incomum. O problema dos predadores sexuais é tão difundido que alguns governos prepararam guias sobre como proteger os jovens. Por exemplo, um guia do Departamento Federal de Investigações (FBI), dos Estados Unidos, alerta contra pessoas que imediatamente começam a falar sobre sexo. Também avisa sobre aqueles que “aos poucos seduzem as vítimas por serem afetuosos, bondosos, por darem atenção e até mesmo presentes”.

Descrevendo métodos específicos dos predadores, esse guia diz: “Eles escutam e se mostram preocupados com os problemas da criança. Estão a par de seus interesses, passatempos e dos lançamentos musicais. Seu objetivo é aos poucos diminuir a inibição delas por gradualmente introduzir matéria e assuntos sexuais na conversa.”

Adultos pervertidos não são o único perigo. Você também precisa tomar cuidado com jovens que não conhecem ou não respeitam os padrões morais da Bíblia. Veja o que aconteceu com Cody. Ele estava conversando on-line com outros jovens quando uma garota o convidou para uma sala de bate-papo particular. Ali, ela fez uma pergunta sexualmente insinuante. Ele teve autodomínio para encerrar a conversa imediatamente.

Por causa do interesse natural por sexo, você pode achar muito difícil fazer o mesmo que Cody. Peter, já mencionado, admite: “Eu pensava que tinha autodomínio suficiente para encerrar uma conversa, se o assunto fosse sexo. Mas, vez após vez, quando eu dava por mim, já estava envolvido e conversando sobre sexo. Depois me sentia culpado.” Mas talvez você se pergunte: ‘Existe algum problema em conversar sobre sexo pela internet se eu não me identificar?’

São prejudiciais as conversas sobre sexo pela internet?

A Bíblia fala abertamente sobre sexo. (Provérbios 5:18, 19) Temos de admitir que o interesse pelo sexo aumenta durante a juventude. Então, você deve conversar sobre isso. Você precisa de respostas para suas dúvidas sobre esse assunto importante.# Mas o modo como satisfaz sua curiosidade sobre assuntos sexuais terá muita influência na sua felicidade, agora e no futuro.

Se resolver conversar sobre sexo pela internet, mesmo que seja com supostos amigos, poderá acabar como o jovem descrito na Bíblia. Só por curiosidade, ele passeava perto da casa de uma prostituta. No início ela apenas conversou com ele. Mas, uma vez despertado o desejo, só conversar não bastava. “De repente ele vai atrás dela, igual ao touro que chega ao abate, . . . assim como o pássaro se apressa para a armadilha.” — Provérbios 7:22, 23.

Do mesmo modo, conversar sobre sexo pela internet pode facilmente levá-lo a buscar algo mais. Philip relembra: “Eu estava conversando com alguém quando, de repente, uma foto imoral apareceu na tela. Tinha sido enviada pela pessoa com quem eu conversava.” Uma vez despertado seu desejo por sexo explícito, você talvez se sinta tentado a se envolver mais, por exemplo, por acessar salas de bate-papo para adultos.% Muitos que caíram na armadilha de ver pornografia passaram a cometer imoralidade e sofreram as inevitáveis conseqüências. — Gálatas 6:7, 8.

As pessoas que querem conversar sobre sexo não pensam no que é melhor para você. Esses estranhos querem envolvê-lo em conversas — e provavelmente ações — imorais para satisfazer seus próprios desejos.^ Para proteger seu filho de exploradores sexuais, o Rei Salomão escreveu: “Guarda teu caminho longe dela e não te chegues à entrada da sua casa, para que não dês a tua dignidade a outros, . . . para que os estranhos não se fartem com o teu poder.” (Provérbios 5:8-10) O princípio desse conselho poderia ser expresso assim: Fique longe das salas de bate-papo cuja conversa é sobre sexo, para que não dê sua dignidade a estranhos que só querem se satisfazer às suas custas.

“Os que ocultam o que são”

Mas talvez você diga que não quer conversar sobre sexo pela internet. Como Peter e Abigail, já mencionados, você talvez encare as salas de bate-papo como lugares onde pode se expressar sem se identificar e sem medo de ficar embaraçado.** Mesmo assim, há outro perigo que deve considerar.

O fato de não precisar se identificar pode tentá-lo a se tornar um fingido, ou enganador. Abigail diz: “Eu começava a conversar e assumia a personalidade que se encaixava na conversa.” Como ela, talvez você se sinta tentado a adotar uma personalidade diferente para se enquadrar no tipo de pessoas da sala de bate-papo. Talvez adote seu modo de falar ou idéias, na tentativa de fazer novos amigos. Por outro lado, pode ser que você encare as salas de bate-papo como oportunidade de expressar idéias e sentimentos que acha que seus pais ou amigos reprovariam. De qualquer modo, você acaba enganando um ou outro grupo. Ao fingir ser alguém que não é, você está enganando as pessoas com quem conversa. Igualmente, se você não expressa suas verdadeiras idéias e sentimentos à família e aos amigos, está enganando a eles.

Embora as salas de bate-papo sejam um fenômeno recente, a tendência de mentir e enganar é tão antiga quanto a História. A Bíblia revela que o mais antigo mentiroso, Satanás, o Diabo, foi o primeiro a empregar a tática usada nas salas de bate-papo. Ele disfarçou sua verdadeira identidade e depois contou a primeira mentira. (Gênesis 3:1-5; Revelação [Apocalipse] 12:9, 10) Você pode evitar ser enganado por seguir o exemplo do Rei Davi que escreveu: “Não me sentei com homens de inveracidade; e não entro com os que ocultam o que são.” — Salmo 26:4.

Conforme já comentado, certas salas de bate-papo podem ser úteis. Mas os jovens que querem agradar a Deus Jeová devem ter muito cuidado ao usar esse moderno meio de comunicação. Se precisar usar esse recurso, por exemplo, para um trabalho escolar, peça que seus pais ou outro adulto o acompanhem. Um artigo futuro vou destacar dois motivos adicionais para ter cuidado ao acessar salas de bate-papo. Também vai mostrar como você pode lidar com alguns problemas que talvez surjam, mesmo se for cuidadoso. 

 

se quiser um livro sobre perguntas aos jovens entre contato comigo - 82.8879-6474